terça-feira, 8 de novembro de 2016

Em Belém, Fórum traz tecnologias para pessoas com deficiência - Veja o vídeo.

Evento ocorre nesta segunda, 7, e terça-feira, 8, na Estação das Docas.Proposta é trabalhar a inclusão por meio do que há de mais avançado.

Do G1 PA

Foto: Nailana Thiely e Cristino Martins



Uma feira que será realizada nesta segunda (7) e terça-feira (8), em Belém, traz inovações para pessoas com deficiência. Trata-se do V Fórum de Tecnologia Assistiva e Inclusão Social à Pessoa com Deficiência, uma programação fechada que faz parte da 1ª Feira Existir, um evento aberto realizado na Estação das Docas. A entrada é gratuita.

Click AQUI para ver o vídeo.

A proposta do Fórum é trabalhar a inclusão de pessoas com deficiência por meio do que há de mais atual, inovador, tecnológico, avançado e de baixo custo em tratamento, estudos científicos e protótipos em fase de teste ou já disponíveis no mercado.

O pós-doutor em Mecatrônica, Marcelo Henrique Stoppa (UFG), será um dos palestrantes. Ele conta que há cerca de cinco anos, os investimentos em pesquisas, tempo e conhecimento tem crescido para o desenvolvimento de próteses acessíveis a todos os perfis econômicos.

“As próteses comerciais são muito caras e acessíveis para pouquíssimas pessoas. No Brasil e no mundo há grupos que se preocupam com próteses de baixo custo. O material principal dessas próteses de baixo custo são polímeros plásticos, modelados em impressoras 3D. Isso permite que seja adaptado para atender pessoas com diversas características”, afirma Stoppa.

Na exposição há um carro, que foi adaptado para pessoas que possuem deficiências. "Nesse carro tem o comando de aceleração, freio manual e uma manobra de volante", explica o expositor Valdir Moura.

Na feira foi criada uma casa adaptada para pessoas com deficiência. Tudo foi milimetricamente calculado para quem usa cadeira de rodas ter espaço para se movimentar .”Se você reparar a televisão e todos os móveis são do tamanho e da altura de pessoas com deficiência", explica a arquiteta Milie Klautau.

"Isso dá a oportunidade para as pessoas conhecerem as facilidades e terem acesso à acessibilidade", diz o estudante Walter Mendes.

Simultaneamente a programação do V Fórum de Tecnologia Assistiva e Inclusão Social à Pessoa com Deficiência, ocorrerá a I Feira Estadual EXISTIR e a II Feira Paraense de Tecnologia Assistiva, Acessibilidade e Inclusão Social da Pessoa com Deficiência. As programações são organizadas pelo Núcleo de Desenvolvimento em Tecnologia Assistiva e Acessibilidade (Nedeta) da Universidade do Estado do Pará (Uepa) e pelo Núcleo de Articulação e Cidadania do Governo do Estado (NAC).

Serviço: V Fórum de Tecnologia Assistiva e Inclusão Social à Pessoa com Deficiência, nos dias 7 e 8 de novembro, na Estação das Docas, em Belém. Mais informações no

Fonte: g1.globo.com - Foto: Nailana Thiely e Cristino Martins

Nenhum comentário: