sábado, 10 de dezembro de 2016

Brasil leva três medalhas na Copa Costa Rica de tênis de mesa

Por CPB

Divulgação/ITTF
Imagem
Thais Severo fez campanha com 100% de aproveitamento

O Brasil começou a Copa Costa Rica - competição voltada a atletas paralímpicos - com três medalhas, sendo uma de ouro, uma de prata e uma de bronze. Enquanto Thais Severo levou a melhor na disputa das classes 3 a 5 e ficou no ponto mais alto do pódio, Fábio Santos e Renato Santos terminaram a competição entre os três melhores. Fábio ficou com a prata e Renato foi o terceiro lugar da classe 5.

Para conquistar o título, a brasileira venceu todas as adversárias do grupo, que tinha a compatriota Maria Luiza Passos, a japonesa Yukimi Chada, a americana Cynthia Ranii e a chilena Tamara Isabel Leonelli.

Na disputa com Yukimi Chada, Thais Severo venceu por 3 sets a 0 (11/9; 11/9 e 11/6), mesmo placar do confronto com Cynthia Ranii (11/3; 11/1 e 11/2) e do jogo com Tamara Isabel (11/3; 11/3 e 11/9). O duelo mais equilibrado de todo o grupo foi justamente quando as duas brasileiras ficaram frente à frente e Thais conseguiu bater Maria Luiza por 3 sets a 2, após estar perdendo por 2 sets a 1 (11/5; 9/11; 9/11; 11/4 e 11/8).

Com participação nos Jogos Paralímpicos Rio 2016, Thais é um dos destaques do grupo que defende o nosso país no torneio.

Fabio Santos e Renato Santos competiram no mesmo grupo que o japonês Kentaro Doi e Dennis La Rose, de Trinidad e Tobago. Fabio venceu o conterrâneo por 3 sets a 2 (11/6; 9/11; 4/11; 11/9 e 11/7) e derrotou também Dennis La Rose, por 3 sets a 0 (11/5; 11/9 e 13/11). Porém, acabou perdendo para o japonês por 3 sets a 1 (11/6; 4/11; 11/6 e 11/3).

Já Renato venceu Dennis por 3 sets a 0 (11/9; 11/6 e 11/3) e perdeu para Kentaro por 3 sets a 1 (12/10; 12/10; 6/11 e 11/9).

A delegação verde e amarela ainda tem mais chances de ouro. Três brasileiros estão na semifinal da disputa individual masculina Classes 3 e 4. Eziquiel Babes pega Ivanildo Freitas, enquanto Alexandre Ank terá pela frente Geovanni Rodriguez, da Costa Rica.

Luiz Henrique Medina, mais conhecido como Caíque, também vai lutar por vaga na final. No individual Classe 6 e 7, o brasileiro vai enfrentar Steven Chinchila, da Costa Rica. Do outro lado da chave, o chileno Matias Nicolas Lorca encara Hernan Rojas, também da Costa Rica.

Na Classe 10, mais um duelo de semifinal entre brasileiros: Claudio Massad vai pegar Basilio Fernando Oliveira, enquanto Jose Angel Rojas, da Costa Rica, encara o chileno Alvaro Hernan Gutierrez.

A Copa Costa Rica a começou na última quinta-feira e vai até domingo. O Brasil tem a maior delegação da competição, com 23 atletas ao todo.

Com informações da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM).

Fonte: cpb.org.br

Nenhum comentário: