sábado, 17 de dezembro de 2016

Gêmeas siamesas se reencontram após cirurgia de separação - veja o vídeo.

Meninas continuaram se olhando como quando estavam ligadas

Por Crescer online

Eva e Erika se reencontram após cirurgia (Foto: Reprodução)
Eva e Erika se reencontram após cirurgia (Foto: Reprodução)

Duas irmãs gêmeas, que nasceram ligadas pelo abdômen, emocionaram os familiares e a equipe do hospital ao se encontrarem pela primeira vez depois de uma exaustiva, mas bem-sucedida cirurgia com 17 horas de duração que as separou.

Eva e Erika Sandoval estão se recuperando em camas separadas na mesma sala do Hospital Infantil Lucile Packard, na Califórnia, desde a cirurgia em 6 de dezembro. As meninas de 2 anos não podiam se ver bem até esta segunda-feira, quando sua mãe levou Erika até a cama de Eva.

Um vídeo postado pelo hospital mostra as meninas olhando uma para a outra, como costumavam fazer quando ainda estavam ligadas. “Foi tão emocionante para nós ver as meninas lado a lado novamente", comentou a mãe Aida Sandoval na postagem.

Antes da cirurgia, as meninas estavam posicionadas uma de frente para a outra e unidas pela parte inferior do abdômen. Elas tinham corações, pulmões e estômagos separados, mas compartilhavam um fígado, bexiga, dois rins, três pernas e partes do trato digestivo. Desde a cirurgia, as meninas agora têm uma perna cada uma. A terceira perna foi usada para criar enxertos de pele para cobrir as grandes feridas que resultaram da cirurgia.

Click AQUI para ver o vídeo.

Nenhum comentário: