quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Projeto prepara jovens com deficiência para o mercado de trabalho

Foto: Shutterstock
A imagem está no formato retangular na horizontal. Nela contém uma jovem sentada em uma cadeira de rodas digitando concentrada em um notebook que está apoiado em suas pernas. Fim da descrição.

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência em parceria com a The Trust for The Americas, lança nesta segunda-feira, dia 13/02, o projeto Poeta Acessível em São Paulo.

A ação tem o objetivo de potenciliazar o processo de inclusão no empoderamento da pessoa com deficiência ou em situação de vunerabilidade social através do acesso, uso e apropriação das Tecnologias de Infomártica e Comunicação (TIC).

As pessoas com deficiência com mais de 14 anos podem se inscrever em cursos com carga horária variada, como Alfabetização Digital, Redes Sociais, Preparação para o Mundo do Trabalho, Como se Preparar para a Busca do Emprego, Empoderamento em Direitos e Deficiência e Como Iniciar seu Próprio Negócio. A meta é ampliar as possibilidades de uma inclusão real e efetiva ao mundo do trabalho, formal ou informal, ações de empreendedorismo e melhorias na formação educacional.

Além disso, o projeto se propõe a utilizar o espaço como uma lan house, para facilitar o acesso à tecnologia e à utilização de sites de empregos, pesquisa, uso de redes sociais, atualização de currículos, cursos online, entre outros. Os usuários podem ter qualquer tipo de deficiência uma vez que o espaço disponibilizará recursos de acessibilidade como leitor de tela, teclado ampliado, teclado colmeia (que facilita a digitação por pessoas com baixa visão e dificuldades motoras), lupas e materiais em braile.

Há atividades para formação de gestores de política e profissionais que trabalham com gestores de pessoas com deficiência e também para os profissionais, através de cursos de atualização para órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção, manutenção e cuidado para cadeira de rodas e formação de cuidadores ou atendentes de pessoas com deficiência.

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail sau@ctpfi.spdm.org.br, pessoalmente ou pelo telefone (11) 5021-4420/6774/6663. Os cursos serão ministrados no Centro de Tecnologia e Inclusão, localizado na Rodovia dos Imigrantes km 11,5 – Jabaquara.

Nenhum comentário: