segunda-feira, 13 de março de 2017

Corrida tem emoção até o final

Rodrigo Alonso Sumaré

Resultado de imagem para Corrida tem emoção até o final

A 1ª Corrida Solidária TODODIA e Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) teve emoção até o final. Na prova de 10km, entre os homens, a diferença do primeiro para o segundo colocado foi apenas de quatro segundos. O evento aconteceu ontem, em Sumaré, e contou com cerca de 800 pessoas, entre participantes e público.

Nos 10km, Adilson Rogério da Silva liderava a corrida até os 50 metros finais, quando foi ultrapassado por Ewerton Lucilo, que acabou como vencedor. Vice-campeão, Silva disse estar "super feliz" com o resultado e também elogiou a organização do evento.

"Foi uma ótima prova, bem organizada, com percurso seguro e área de alimentação muito boa. O evento aconteceu numa praça com muita sombra, o que ajudou muito", comentou o participante, que é técnico de enfermagem e tem 42 anos.

Os ganhadores das outras provas foram: Rafaela Damázio da Silva, nos 10km feminino, Uilson Rodrigues Carvalho, nos 5km masculino, e Natalia Regina Painelli, nos 5km feminino.

Num evento em que o objetivo foi a inclusão social, pelo menos dois pais correram com os filhos cadeirantes. A jornalista e empresária Fernanda Terribile Tezin Ferreira, 44, conduziu o filho Danilo Terribile Tezin Ferreira, 18, na prova de 5km.

"Achei excelente a organização. Largaram os cadeirantes na frente. Isso é ótimo para a nossa segurança e dos atletas também. Muitos corredores aplaudiram enquanto a gente passava, gritavam, ajudaram na subida. O staff, de moto, acompanhou a gente no início da prova. São detalhes que fazem a diferença", declarou Fernanda.

O gerente comercial do TODODIA, Edir Ferneda, informou que a empresa pretende realizar o evento mais vezes, sempre em março. "O mais interessante é fazer uma prova de inclusão e também colaborar com a interação dos alunos da Apae com o esporte", afirmou.

Tanto ele como Guilherme Celso, diretor executivo da Chelso Sports & Business, disseram que a repercussão da corrida foi positiva. "A prova foi muito bacana. Tivemos um feedback muito legal dos atletas, dos apoiadores e da diretoria da Apea", ressaltou Celso.

PÓDIOS

5km masculino
Uilson Rodrigues Carvalho 17:07
José Fernando Pereira da Silva 17:44
Rodrigo Dantas de Campos 17:50
Donisete Carlos Leão 18:08
Gedeão Anselmo 18:36

5km feminino
Natalia Regina Painelli 19:15
Catharine Ludmila Fidencio Alves 20:52
Vanessa Agnelo 22:22
Michelle Fernandes 22:45
Júlia Silva Salomão 26:17

10km masculino
Ewerton Lucino 34:26
Adilson Rogério da Silva 34:30
Felipe Aparecido Angelino 35:44
Douglas Willian Rovaron 36:24
Sebastião Donizete Vida 36:47

10km feminino
Rafaela Damázio da Silva 43:10
Maria de Freitas Melo Soares 45:07
Joana Marini 47:27
Juliana de Almeida Scher 47:48
Maria Inês dos Santos 48:18

Fonte: portal.tododia.uol.com.br

Nenhum comentário: