quinta-feira, 25 de maio de 2017

Ex-Galo, Raphael Aguiar morre aos 29 anos vítima de tumor no joelho - Veja o vídeo.

Revelado pelo Atlético-MG, jogador passou os últimos meses internado em hospital

Por GloboEsporte.com, de Belo Horizonte

Ex- atacante do Galo, Raphal Aguiar faleceu aos 29 anos em consequência de agravamento de câncer no joelho (Foto: Divulgação)
Ex- atacante do Galo, Raphal Aguiar faleceu aos 29 anos em consequência de agravamento de câncer no joelho (Foto: Divulgação)

Raphael Aguiar, ex-atacante do Atlético-MG, faleceu na madrugada desta quarta-feira, vítima de câncer ósseo. O ex-jogador, revelado pelo Atlético-MG, estava internado no Hospital Felício Rocho, região oeste de Belo Horizonte. Diagnosticado com um tumor no joelho esquerdo em 2014, Raphael teve o quadro agravado nos últimos dias. Ele vivia à base de morfina e passava a maior parte do tempo sedado.

Click AQUI para ver o vídeo.

Amigos mais próximos visitaram o ex-jogador recentemente. Para tentar se curar, Raphael precisou enfrentar sessões de quimioterapia e colocar uma prótese no joelho – necessária após a retirada do tumor ósseo-, que pôs fim à carreira como atleta. O velório será na tarde desta quarta-feira no cemitério Bosque da Esperança, na capital mineira. O sepultamento está marcado para quinta, na cidade natal dele, Divino de São Lourenço, no Espírito Santo.

O sonho de jogar futebol profissional começou para Raphael Aguiar em 2008, quando subiu para a categoria principal do Galo. O único gol marcado pelo clube teve enredo especial, foi na Vila Belmiro, diante do Santos, justamente o da vitória por 3 a 2. Na ocasião, o lance protagonizado por Raphael pôs fim a jejum de 60 anos do clube mineiro no estádio. O último clube de Raphael foi o Valério, equipe que defendeu em 2013, ano anterior ao descobrimento da doença.

Resultado de imagem para Ex-Galo, Raphael Aguiar morre aos 29 anos vítima de tumor no joelho
Revelado pelo Galo, Raphael Aguiar irá se aposentar aos 26 anos por conta de um câncer

No decorrer dos anos, o tratamento de Raphael apresentou altos e baixos, fato comum em pessoas diagnosticadas com câncer. Durante esse período, ele encontrou alegria de estar no esporte por meio do futevôlei. Em 2015, Raphael recebeu a equipe do Globo Esporte para comentar sua luta

Nenhum comentário: