segunda-feira, 29 de maio de 2017

Mãe é violentada pelo namorado ao tentar evitar estupro da filha deficiente

Criança de 11 anos foi abusada pelo pedreiro em Pontes e Lacerda (MT). Mulher e suspeito estavam em um relacionamento há uma semana.

Do G1 MT

(Foto: Divulgação/ Polícia Civil de Pontes e Lacerda)
Pedreiro estuprou mulher e criança deficiente de 11 anos e foi preso em Mato Grosso (Foto: Divulgação/ Polícia Civil de Pontes e Lacerda)
Pedreiro estuprou mulher e criança deficiente de 11 anos e foi preso em Mato Grosso

Um pedreiro, de 38 anos, foi preso nesta segunda-feira (15) suspeito de ter estuprado uma criança com deficiência mental e a mãe dela, na cidade de Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá. Segundo a Polícia Civil, as vítimas têm 11 e 38 anos, respectivamente. O suspeito e a mãe da criança estavam em um relacionamento há uma semana.

De acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu no final de semana na casa das vítimas, no Bairro São Cristóvão. O pedreiro negou ter estuprado mãe e filha e chegou a dizer que não as conhecia. A criança, durante depoimento, disse que o suspeito passou as mãos nas partes íntimas dela. A mãe, ao ver a filha sendo abusada, tentou agredir o suspeito.

Conforme a Polícia Civil, o pedreiro também passou a violentar a mulher. Toda a cena foi vista pela criança. O suspeito responde por outros crimes, um deles um homicídio em Cuiabá, pelo qual estava em liberdade condicional, após ser condenado a 12 anos, e usava tornozeleira eletrônica. No momento da prisão o pedreiro estava sem o dispositivo de monitoramento.

O equipamento foi encontrado, junto com outros pertences dele, na casa das vítimas. O suspeito foi preso por estupro e encaminhado para a Cadeia Pública de Pontes e Lacerda. A mulher e a filha dela foram encaminhados para atendimento psicológico.

Fonte: g1.globo.com

Nenhum comentário: