sábado, 10 de junho de 2017

Estudo de universidade inglesa diz que maconha melhora os resultados de quimioterapia


Mais uma pesquisa confirma aquilo que diversos dos importantes cientistas vêm apontando no que diz respeito ao tratamento de algumas das mais sérias doenças humanas: que o caminho para a cura pode passar pela maconha – e, nesse caso, para vencer a árdua batalha contra o câncer. A pesquisa realizada pela Universidade de St. George,, em Londres, confirma que os canabinóides, princípios ativos da cannabis, são bastante eficientes em matar as células cancerígenas quando alinhados ao tratamento com quimioterapia.

CannabisQ4


Além disso, outros usos podem trazer benefícios analgésicos e naturais – tratando a dor sem qualquer efeito colateral – e ainda estimular o apetite nos pacientes, elementos fundamentais para um tratamento bem sucedido. Com o uso da cannabis e seus derivados, a quimioterapia pode ser de menor duração e intensidade, e com isso, diminuem também os diversos e intensos efeitos colaterais desses tratamentos.

CannabisQ3

O tratamento utilizado na pesquisa não é através do fumo, mas sim de extratos concentrados e puros que, segundo um dos pesquisadores responsáveis, podem sim mudar tudo que sabemos a respeito do tratamento de câncer. “Canabinóides são um prospecto muito excitante na oncologia, e estudos como o nosso servem para estabelecer as melhores maneiras que podem ser usados para maximizar o efeito terapêutico”, disse o Dr. Wai Liu, da universidade.

CannabisQ2

Novas pesquisas estão sendo desenvolvidas, mas não é exagero afirmar, diante da colossal quantidade de trabalhos científicos que revelam a planta como o caminho para verdadeiras revoluções medicinais, que o futuro de nossas saúdes passa pela maconha.

CannabisQ1


Fonte: hypeness.com.br - © fotos: Getty Images/divulgação

Nenhum comentário: