quinta-feira, 20 de julho de 2017

12 destinos incríveis que possuem Cadeira Adaptada para passeios “inacessíveis”

A cadeira adaptada deu condições para Ricardo Shimosakai desbravar a Chapada dos Guimarães
A cadeira adaptada deu condições para Ricardo Shimosakai desbravar a Chapada dos Guimarães

Existem lugares maravilhosos, porém impossíveis para um usuário de cadeira de rodas se locomover sozinho, como locais de natureza e sítios históricos, principalmente quando estes são protegidos pelo patrimônio. Adaptar locais assim, não é fácil, pela imensa burocracia que os órgãos de preservação impõem. Também não é conveniente implantar acessibilidade, se este processo descaracterizar o lugar, estragando a beleza original.

Nestes casos, a melhor solução é fazer uso de equipamentos para facilitar o acesso, mas que não provoquem nenhuma alteração do local.

A história da Joëlette, a primeira Cadeira Adaptada
A versão mais antiga, conhecida e difundida de uma cadeira de trilha, como foi apelidada, é a Joëllete fabricada na França. Em 1987 Joël Claudel, um guia de montanha, teve a ideia da primeira Joëlette por causa de seu sobrinho que sofria de distrofia muscular. Era uma espécie de liteira ou cadeira de transporte com apenas uma roda. Isso levou apenas 2 dias para produzir o primeiro protótipo. Um assento, uma roda central e quatro barras para os dois guias: ainda hoje estes são os elementos básicos da Joëlette.

Joël Claudel e a primeira versão da Joëlette
Joël Claudel e a primeira versão da Joëlette

Assim, apesar da doença, Stephane, seu sobrinho, podia participar na maioria das atividades ao ar livre. Aos 17 anos de idade, ele descobriu a bela natureza da ilha de Reunion, então ele foi para a Cordilheira do Atlas, no Marrocos. Mais tarde, Joël Claudel criou uma associação “Handi Cap Evasion”. Logo a APF “Associação para Paralisados da França” se juntou a associação.

O que era inimaginável tornou possível. Desde então, as pessoas com qualquer tipo de deficiência tem sido capazes para participar em caminhadas e corridas, na França e no mundo, na montanha ou localmente.

No entanto, Joël Claudel, uma pessoa muito modesta, não queria ficar no foco da ação e decidiu transferir a “aventura” Joëlette a outras pessoas comprometidas e dedicadas, entre eles Ferriol-Matrat, que é atualmente o produtor exclusivo da Joëlette.

Passeios turísticos onde seria impraticável uma visita sem a utilização da cadeira adaptada
Passeios turísticos onde seria impraticável uma visita sem a utilização da cadeira adaptada

A empresa Rome and Italy, apelidou o equipamento de Wheely Trekky, e utiliza para fazer passeios em sítios arqueológicos de difícil acesso, como o Coliseu de Roma e Pompéia.

A Cadeira Adaptada no Brasil

No Brasil, a Ong Caminhadores no Rio Grande do Sul faz atividades de trilhas e caminhadas utilizando Cadeira Adaptada. Da mesma forma, o Hotel Fazenda Parque dos Sonhos em Socorro, no interior do Estado de São Paulo.
Mais recentemente o projeto Montanha Para Todos tem dado mais força a essa forma de atividade, divulgando a prática do montanhismo, fabricando e comercializando Cadeira Adaptada de trilha.
A ideia surgiu com o casal Juliana e Guilherme, que  sempre foram apaixonados por trilhas, montanhas e viagens. Juntos, já caminharam por mais de 30 lugares diferentes, até que Juliana teve um câncer de mama e depois uma Degeneração Cerebelar Paraneoplásica, uma síndrome neorológica extremamente rara.
O amor do casal pelas montanhas continuava, mas a Juliana já não conseguia mais chegar a elas. A partir daí iniciou-se uma mobilização entre marido, esposa e amigos. Depois de várias pesquisas fizeram sua própria cadeira de trilha e apelidaram de Julietti. Abaixo, uma lista dos locais onde é possível encontrar a Cadeira Adaptada:
Blumenau / SC – Target Aventura e Treinamento
Três Coroas / RS – Parque Brasil Raft
Parque Nacional da Serra do Cipó / MG – ICMBio
Parque Nacional da Tijuca, no Rio de Janeiro / RJ – ICMBio
Niterói / RJ – Clube Niteroiense de Montanhismo
Parque Nacional de Itatiaia, em Itatiaia / RJ – ICMBio
Unai / MG – Lions Clube de Unai
Parque Nacional da Chapada dos Guimarães / MT – ICMBio
Parque Nacional da Chapada dos Guimarães / MT – ICMBio
Parque Nacional da Chapada dos Guimarães / MT – ICMBio






Nenhum comentário: