quinta-feira, 20 de julho de 2017

Fábio Bordignon é bronze nos 200m e Brasil chega a 14 medalhas no Mundial de Atletismo

Por CPB

Daniel Zappe/CPB/MPIX
Imagem

Fábio Bordignon conquistou nesta quarta-feira, 19, a 14ª medalha do Brasil no Mundial de Atletismo Paralímpico, em Londres. O fluminense de Duque de Caxias foi bronze nos 200m T35 (paralisados cerebrais), prova em que ficou com a prata nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016. Desta maneira, o país já soma cinco ouros, cinco pratas e quatro bronzes na competição, disputada no Estádio Olímpico. O evento se encerrará no domingo, 23. 
Bordignon, 25, foi o terceiro mais rápido da disputa, com o tempo de 26s94. Ele ficou atrás apenas do ucraniano Ihor Tsvietov, atual campeão paralímpico, que registrou o tempo de 25s52, e do argentino Hernán Barreto, que cumpriu a distância em 26s35.  
"Não foi o resultado que eu esperava, porque achei que poderia brigar pelo ouro com o ucraniano. Dei uma olhada no tempo e não foi a marca que eu gostaria de ter feito. Foi um pouco alto, mas tenho de olhar o vídeo da corrida para ver o que pode ser corrigido para os próximos dias", disse Bordignon, que teve paralisia cerebral na hora do parto, por falta de oxigenação no cérebro, e tem movimentos dos membros inferiores descoordenados.
 
O atleta retornará à competição no domingo, último dia do evento, quando disputará a final dos 100m. 

Além do medalhista, o Brasil ainda contou com a participação de Michel Abrahame, que foi nono colocado no salto em distância T47, com 5,98m. Mateus Evangelista classificou-se para a final dos 100m T37 (paralisados cerebrais), com o quarto melhor tempo, 11s74. Fabrício Júnior também avançou, mas para a semifinal dos 200m T12 (baixa visão), com o tempo de 22s79. Petrúcio Ferreira, atual medalhista de prata dos 400m T47, queimou a largada e foi desclassificado da final da prova. 
 
Confira, abaixo, a participação dos brasileiros nesta quinta, 20, sexto dia do Mundial de Londres. O SporTV anuncia a transmissão das provas a partir das 20h30. O perfil do CPB no Facebook também exibirá, via streaming, ao vivo, toda a programação do dia.
 
Esta é a oitava edição do Mundial de Atletismo Paralímpico. Cerca de 1.300 atletas de 100 países disputam as 213 medalhas, todas no Estádio Olímpico de Londres. Em 2015, em Doha, no Catar, o Brasil ficou com a sétima colocação no quadro geral de medalhas do evento. Foram oito medalhas de ouro, 14 de prata e mais 13 de bronze.
 
Programação dos brasileiros - quinta-feira (20/7)*
15h35 - Fabrício Júnior (semifinal dos 200m T12) 
15h45 - Daniel Mendes (semifinal dos 200m T11)
16h15 - Mateus Evangelista (final dos 100m T37)
*Horário de Brasília
 
Acompanhe a transmissão ao vivo pelo Facebook (facebook.com/comiteparalimpico), e a cobertura nos perfis no Twitter (@cpboficial) e no Instagram (ocpboficial)
 
Patrocínio
A equipe brasileira de paratletismo tem patrocínio das Loterias da Caixa e da Braskem.
 
Time São Paulo
O atleta Mateus Evangelista é integrante do Time São Paulo, parceria entre o CPB e a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo que beneficia 56 atletas e nove atletas-guia de 10 modalidades.
 

Fonte: cpb.org.br

Nenhum comentário: