sábado, 5 de agosto de 2017

Circuito Loterias Caixa é última chance de nadadores classificarem-se ao Mundial do México

Imagem

Por CPB

O fim de semana será decisivo para os 217 atletas inscritos para a segunda etapa nacional do Circuito Loterias Caixa de Natação, que será disputada no CT Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. Entre sábado e domingo, 5 e 6, os competidores terão a última chance de obter a classificação para o Mundial da modalidade, que acontecerá de 30 de setembro a 6 de outubro, na Cidade do México. O Circuito ainda será palco de provas de atletismo e halterofilismo.

Quinze nadadores atingiram até o momento as marcas classificatórias estabelecidas pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). Os tempos são equivalentes à sexta melhor marca do mundo no ano passado. Apesar de os índices criados pelo CPB serem mais fortes do que os que são exigidos pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês), a expectativa é de que mais atletas os alcancem neste fim de semana.

"Certamente, a competição deste fim de semana deve ser a Nacional mais forte do ano, com os atletas melhorando as suas marcas e, alguns deles, atingindo os índices para o Mundial. Nós seguimos a tendência de estabelecer tempos classificatórios fortes para levar a melhor Seleção possível. Os atletas puderam competir em casa para obter a qualificação, e isso foi possível pela estrutura dos eventos que fizemos aqui no Brasil", ressaltou Leonardo Tomasello, técnico-chefe da natação pelo CPB.

Dono de nove medalhas nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016, Daniel Dias já tem presença certa na Cidade do México. No último Mundial, disputado em 2015 em Glasgow (Escócia), o Brasil ficou com a quarta colocação no quadro geral de medalhas, com 23: foram 11 de ouro, oito de prata e quatro de bronze. A delegação contou, na ocasião, com 23 nadadores.

No halterofilismo, cinco categorias tiveram as primeiras disputas por medalha. Na divisão até 54kg masculina, o título ficou com Ailton da Silva (SADEF/RN), que conseguiu erguer 117kg em sua terceira tentativa. Eduardo Dantas (ADEFA/AM), por sua vez, faturou o ouro na categoria até 48kg, ao levantar 120kg também em sua última chance. Lucas Manoel Galvão (FEPAM/AM) foi campeão da divisão júnior até 49kg, com 90kg erguidos.

Entre as mulheres, Maria Luzineide (ASDEF/PB) venceu a disputa das categorias 41kg/45kg, com um levantamento de 80kg. Por fim, Helaine Cristina ficou com o ouro da divisão até 55kg, com 60kg. As disputas seguem na tarde desta sexta-feira, a partir das 15h30.

O Circuito
O Circuito Caixa Loterias é organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e patrocinado pelas Loterias Caixa. Este é o mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, halterofilismo e natação. Composto por quatro fases regionais e três nacionais, tem como objetivo desenvolver as práticas desportivas em todos os municípios e estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades e dar oportunidades para atletas de elite e novos valores do esporte paralímpico do país.

Patrocínios
A equipe brasileira de paratletismo tem patrocínio das Loterias Caixa e da Braskem.
As equipes de natação e halterofilismo têm patrocínio das Loterias Caixa.

Time São Paulo
O atleta Daniel Dias é integrante do Time São Paulo, parceria entre o CPB e a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo que beneficia 56 atletas e nove atletas-guia de 10 modalidades.

Serviço
Data: 4 a 6 de agosto
Cidade: São Paulo (SP)
Local: Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro - Rodovia dos Imigrantes, Km 11,5 - ao lado do São Paulo Expo

Programação
II etapa nacional do Circuito Loterias Caixa de Atletismo, Halterofilismo e Natação
Sexta (4/8) - 9h às 12h e 15h30 às 18h (dia apenas com halterofilismo)
Sábado (5/8) - 8h às 12h e 14h às 18h
Domingo (6/8) - 8h às 12h

I Copa Brasil de esgrima em cadeira de rodas
Sexta-feira (4/8) - 9h às 17h
Sábado (5/8) - 9 às 17h
Domingo (6/8) - 8h às 12h

Fonte: cpb.org.br

Nenhum comentário: