quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Petrúcio Ferreira concorre ao prêmio de atleta paralímpico do mês de julho

Por CPB

Marcio Rodrigues/CPB/MPIX
Imagem

Após conquistar dois ouros e bater dois recordes mundiais no Mundial de Atletismo Paralímpico, em Londres, o paraibano Petrúcio Ferreira foi indicado nesta quarta-feira, 2, ao prêmio de melhor atleta do mês de julho, em votação promovida pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês).

O velocista de 20 anos concorre com a holandesa Diede de Groot e o sueco Stefan Olsson, vencedores dos torneios feminino e masculino, respectivamente, de Wimbledon de tênis em cadeira de rodas, com a americana Tatyana McFadden, que obteve quatro medalhas de ouro no Mundial de Atletismo, e com o dinamarquês Daniel Wagner, que subiu duas vezes ao pódio também em Londres.

No Estádio Olímpico, Petrúcio brilhou e quebrou primeiramente a melhor marca da história dos 100m T47 (amputados de braço), com 10s53 - a antiga era de 10s57, feitos por ele próprio no Rio 2016. Dias mais tarde, retornou à icônica arena e destruiu seu recorde dos 200m ao registrar 21s21 - quase 30 centésimos mais veloz do que a marca anterior, 21s49.

Petrúcio sofreu um acidente com uma máquina de moer capim aos dois anos de idade e, por isso, perdeu parte do braço esquerdo.

A votação será realizada por meio do site do IPC - http://www.paralympic.org/ - e se estenderá até a próxima quarta-feira, 9.

Fonte: cpb.org.br

Nenhum comentário: