sábado, 23 de julho de 2011

Movimento de apoio a deficientes colam adesivos em carros nas calçadas

Ação visa conscientizar motoristas que estacionam em frente a acessos para pessoas com deficiência

da Redação

APNEN, colaborando na divulgação desta matéria: 23/07/2011

Mesmo com a atuação do Ministério Publico Estadual (MPE), que gerou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a prefeitura de Dourados - que ficou responsável pela fiscalização para inibir e coibir a pratica de se colocar carros em calçadas -, a situação continua a mesma. Comerciantes e motoristas fazem vistas grossas e insistem em impedir o livre fluxo de pedestres e principalmente de pessoas com deficiência, que se vêem obrigadas a ir para o meio da rua.

Porém, na manhã de ontem, dia 21 de julho, um grupo de 15 estudantes resolveu fazer uma campanha na qual colam adesivos em carros estacionados em calçadas, em rampas de acesso a cadeirantes ou em vagas destinadas a pessoas com deficiência. O adesivo diz a seguinte frase: “Este carro impediu uma pessoa com deficiência de transitar na calçada”. A medida adotada partiu do estudante Ademir Ferreira, 22 anos, que contraiu poliomielite na infância e hoje se locomove através de uma cadeira de rodas doada por um Rotary clube da cidade.

A ação foi repetida em diversos pontos da cidade, sempre onde há grande quantidade de carros em calçadas. Os carros adesivados chamaram a atenção de quem viu e deixaram bastante revoltados os motoristas infratores ao verem seus carros “notificados”, um deles inclusive bateu boca com um dos estudantes deficiente físico, dizendo que era uma falta de respeito. Segundo Ademir a ação não para por aqui, “temos ainda mais 2.000 adesivos a serem colados”, comenta.

Fonte: Agora MS - Dourados - MS, 22/07/2011

Nenhum comentário: