sexta-feira, 23 de março de 2012

Professores de educação física (SP) têm até o dia 28 para se inscrever em curso sobre inclusão

O objetivo é ampliar a participação de alunos com deficiência nas atividades físicas.
A ação é uma parceria entre as secretarias estaduais da Educação e dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a Fundap
Para aprimorar a inclusão de alunos com deficiência nas aulas de educação física e nas atividades esportivas em âmbito escolar, professores que ministram a disciplina na rede estadual podem participar do curso Educação Física e Esporte como Inclusão Social na Escola”, realizado por meio de parceria entre as secretarias estaduais da Educação e dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a Fundação do Desenvolvimento Administrativo (Fundap). As inscrições seguem abertas até a próxima quarta-feira, 28 de março.
O cadastro deve ser feito pelo site da Escola de Formação e Aperfeiço­amento dos Professores do Estado de São Paulo “Paulo Renato Costa Souza” (EFAP), no link www.escoladeformacao.sp.gov.br/efinclusao. Serão disponibilizadas 2.500 vagas.
O curso será realizado no período de 16 de abril a 1º de julho, fora do horário de trabalho do docente.  A carga horária é de 44 horas, sendo 36 horas on-line e 8 horas de aulas presenciais. Ao final, os professores estarão aptos para o planejamento e a execução de atividades que favoreçam a aprendizagem de estudantes com deficiência.
Entre as temas abordados estão deficiência auditiva e surdez, deficiência visual e cegueira, deficiência física e deficiência intelectual. Além disso, os professores também serão orientados sobre os cuidados a serem tomados durante as aulas, atividades indicadas, adaptação de materiais com segurança e valorização do aluno. Os formandos do curso receberão certificado da Fundap, que terá validade para evolução funcional.
Atendimento especializado
Para oferecer suporte ao processo de inclusão escolar dos alunos com necessidades educacionais especiais na rede estadual de ensino foi criado pela Secretaria da Educação, em 2001, o Núcleo de Apoio Pedagógico Especializado (Cape).
Desde 2003, o Cape, em parceria com a equipe curricular de educação física, oferece capacitações com o objetivo de fornecer aos docentes que atuam na rede estadual subsídios teóricos e metodológicos para criação de mecanismos que favoreçam o acesso, a permanência e a participação dos estudantes com deficiência na prática da atividade física, esportiva e de lazer. A equipe responsável pelo currículo de educação física e as diretorias regionais de ensino, desde então, têm multiplicado esses conhecimentos com a participação de diferentes profissionais, especialmente professores de educação física.
O centro atua no gerenciamento, acompanhamento, e suporte às ações regionais de educação especial, nos processos de formação continuada, na provisão de recursos e na articulação das escolas com a comunidade.
Dentro do processo de formação continuada, o Cape prioriza temas como: Educação Física Adaptada, Uso e Ensino do Soroban Adaptado para Cegos, Ensino de Língua Portuguesa para Surdos, Superdotação/Altas Habilidades, Distúrbios Globais do Desenvolvimento, Atendimento Educacional no Contexto Hospitalar, Estudo de Caso, Tecnologias Assistidas, Comunicação Alternativa e/ou Suplementar e Dinâmica da Sala de Recursos.

Nenhum comentário: