domingo, 15 de julho de 2012

Autista sobreviveu três semanas sozinho num deserto nos EUA

                                                                                                                      foto Reuters 
                                              William sendo transportado para o hospital


Um homem de 28 anos, autista e obsessivo-compulsivo, sobreviveu três semanas sozinho no deserto Escalante, no Utah, estado americano do Utah. William Martin LaFever foi encontrado na quinta-feira por uma equipa de socorristas que percorria a área de helicóptero.

Durante o tempo que esteve desaparecido, William alimentou-se de raízes e de rãs e bebia água do rio Escaldante. Perdeu 23 quilos.

Segundo um porta-voz da polícia, o homem telefonou ao pai no final de junho a dizer que estava a fazer uma caminhada na zona com o cão, mas que o seu equipamento tinha sido roubado e não tinha dinheiro.

John LaFever, que vive no Colorado, disse ao filho para apanhar boleia até Page para lhe dar dinheiro. Mas aparentemente, William decidiu continuar a caminhar ao longo do rio.

Os socorristas acreditam que se não tivesse sido encontrado naquele dia, acabaria por morrer no deserto.



Nenhum comentário: