terça-feira, 23 de outubro de 2012

Impacto do autismo pode ser diferente em homens e mulheres

TERRA
                                 Imagem Internet
Homens e mulheres com autismo podem ter diferenças sutis, mas significativas, nas funções cognitivas afetadas pelo problema, de acordo com um levantamento do Centro de Pesquisa em Autismo da Universidade de Cambridge, no Reino Unido. Os dados foram divulgados pela publicação PLoS ONE.

Os cientistas compararam aspectos da cognição entre adultos com desordens do espectro autista (DEA) e com desenvolvimento típico. Constataram que a percepção das emoções faciais foi igualmente prejudicada em ambos os sexos com as desordens. Mas, nas tarefas que envolvem atenção a detalhes ou que exigem pensamento estratégico, as mulheres com DEA tiveram desempenho comparável aos das sem, enquanto os homens com DEA mostraram mais dificuldades que os outros.

“O que sabemos sobre os homens com DEA não deve ser generalizado para as mulheres”, disse o pesquisador Meng-Chuan Lai. “Suas semelhanças e diferenças precisam ser investigadas sistematicamente na pesquisa do autismo.”

Fonte:http://www.correiodoestado.com.br - Imagem Internet

Nenhum comentário: