quarta-feira, 15 de maio de 2013

'Constrangimento', diz cadeirante sobre falta de rampas em rodeio

Empresário precisou de ajuda de bombeiros para entrar nos camarotes.

Problemas foram registrados no acesso ao banheiro e catraca da entrada.
Tainara Consorti Internauta, Campinas, SP



Cadeirante encontrou problemas com a falta de
rampas (Foto: Thúlio Zanovello/ Arquivo Pessoal)
Cadeirante encontrou problemas com a falta de rampas (Foto: Thúlio Zanovello/ Arquivo Pessoal)
“Foi um constrangimento muito grande. A dificuldade começou desde a portaria até a hora de ir ao banheiro”, afirma o empresário e cadeirante, Eliandro Consorti sobre os problemas de acessibilidade encontrados durante as primeiras noites do Rodeio de Jaguariúna. “No primeiro dia que eu fui, eu não queria nem voltar”, explica. A área da festa realizada no complexo Red Park não tinha adaptações nas catracas e também no acesso aos camarotes.


“A gente leva ele para qualquer lugar, independente de ter escada ou não, mas é inadmissível um rodeio do porte que é o de Jaguariúna não ter acesso às pessoas com deficiência”, disse a prima do empresário Tainara Consorti, que enviou as fotos por meio do Vc no G1.

O empresário, morador de Itapira (SP), foi com um grupo de amigos aos shows dos sertanejos jorge e Mateus e da dupla Fernando e Sorocaba na sexta-feira (10) e no sábado (11). Para acompanhar as apresentações no Camarote Vip Fusion do Rodeio, Consorti teve que contar com a ajuda até dos bombeiros para subir e descer as escadas. “Logo na portaria da festa eu tive que esperar, porque a minha cadeira não passava pela catraca. Na hora de ir para o camarote, tive que pedir ajuda, porque não tinha nenhuma rampa lá. É muito difícil passar por este tipo de situação”, afirma.
Área de acesso para camarotes do Rodeio de Jaguariúna não apresentava rampas (Foto: Thúlio Zanovello/ Vc no G1)Área de acesso para camarotes não apresentava
rampas (Foto: Thúlio Zanovello/ Arquivo Pessoal)
Durante os shows, o empresário optou por ir aos sanitários do ambulatório, já que para utilizar um banheiro adaptado para cadeirante teria que percorrer um caminho maior e com pedras. “É um absurdo eu não conseguir nem ir ao banheiro. Até reclamei com o pessoal da organização que estava lá e eles me falaram que iam resolver, mas na outra noite que eu fui passei pelo mesmo transtorno”, reclama.

Segundo Consorti, a expectativa de mudanças de adaptação da área segue para a próxima semana, já que ele pretende acompanhar também os shows de Naldo e Gusttavo Lima. "Comprei o pacote com uma série de shows, espero que eu não tenha que passar por tudo isso de novo", desabafa. No entanto, a assessoria de imprensa do Rodeio de Jaguariúna informou que não conseguiu entrar em contato com o organizador do evento e por esse motivo não irá se posicionar sobre o caso. Na terça-feira (14),  a  assessoria de imprensa informou que houve um "desconhecimento e mal treinamento do funcionário que orientou o cadeirante sobre os meios de acesso". A assessoria garante que todas as entradas do recinto possuem rampas destinadas aos deficientes físicos.

Fonte:http://g1.globo.com/ “Matéria postada em caráter informativo”



Nenhum comentário: