quarta-feira, 24 de julho de 2013

Redação final de Projeto que obriga farmácias a disponibilizarem lista de medicamentos em braille é aprovada


Redação final do projeto de lei que torna obrigatória a disponibilidade de lista de medicamentos embraille por farmácia foi aprovada pela comissão de Legislação e Justiça da Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) em reunião realizada no dia 11 de julho de 2013.


De autoria do vereador Leonardo Mattos (PV), o PL nº 75/13 obriga as farmácias e drogarias a manterem à disposição do público, para consulta, lista de medicamentos genéricos em caracteres braille.

Para o autor, “sabe-se que o número de pessoas com deficiência visual constitui uma parcela significativa do mercado e também um contingente carente de maior inclusão social. Neste sentido, a disponibilidade de lista de medicamentos genéricos em braille permitirá preencher uma lacuna que exclui essas pessoas, obrigando-as a serem dependentes de informações de terceiros”.

Fonte:http://leonardomattos.com.br/ - “Matéria postada em caráter informativo”

Nenhum comentário: