segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Casal de anões faz ensaio de amor para lutar contra o preconceito

Apaixonados pela vida e por quem são, Lilian e Vanderlei toparam se aventurar em um ensaio romântico contra o preconceito ao nanismo. Conheça a linda e emocionante história do casal!

por zankyou Rede Catraca Livre

Desde que nos conhecemos por gente, ouvimos que o amor supera as distâncias, o tempo, a forma e o próprio destino. Lilian e Vanderlei são destes casais que nos fazem acreditar em tudo o que sempre escutamos sobre o amor. Eles possuem nanismo, uma singularidade genética que acarreta no crescimento físico inferior à maioria da população. Apesar de felizes e bem resolvidos, ambos afirmam que até hoje sofrem preconceitos e que o companheirismo do casal colabora para superarem as situações difíceis da limitação.


Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2686_280516
Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2686_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia
O casal de gaúchos se conheceu em 2009 pela internet, este bendito santo casamenteiro dos tempos modernos... A afinidade e a vontade de se aproximarem fez com que a distância de quase 300 km entre Pelotas e Porto Alegre fosse superada.

E depois de 5 meses...

O primeiro encontro cara a cara aconteceu depois de cinco meses de conversas à distância e já no primeiro contato, tiveram a certeza do sentimento verdadeiro que brotava em ambos. A partir dali, engataram o romance. 

                     Ensaio-Vanderlei-e-lili_IMG_8077_280516
          Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili_IMG_8077_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                                  Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2691_280516
          Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2691_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia 

                       Ensaio-Vanderlei-e-lili_IMG_8049_280516
             Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili_IMG_8049_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                     Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2824_280516
          Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2824_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                     Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2823_280516
         Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2823_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                   Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2794_280516
        Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2794_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                  Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2730_280516
     Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2730_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

Todo o amor que houver nessa vida

Apesar do namoro sério, Lilian continuou morando em Pelotas e Vanderlei em Porto Alegre. A distância não foi um empecilho para que o casal permanecesse unido e apaixonado, mas claro que morar em cidades separadas por tantos quilômetros não era o ideal para um casal tão apaixonado.

Chega mais

Para ficar mais perto da amada, com esforço e dedicação, Vanderlei estudou e foi aprovado em um concurso público na cidade de Lilian, para onde se mudou em 2010. Após três anos de namoro - agora de pertinho - o casal decidiu que já era o momento de morar juntos. Pouco depois de um ano dividindo a mesma casa oficializaram a união, que já dura mais de dois anos.

                   Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2694_280516
  Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2694_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

Superando preconceitos

Parece mentira que nos dias de hoje ainda existam preconceitos com as diferenças entre as pessoas, mas infelizmente, eles existem...

“Casais com nanismo não enfrentam mais preconceitos, o preconceito é individual, ou seja, a qualquer pessoa com nanismo. Passamos por muitos deboches que denigrem a nossa imagem”, afirma Lilian.

                    Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2709_280516
           Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2709_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                    Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2705_280516
           Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2705_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                    Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2703_280516
          Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2703_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                   Ensaio-Vanderlei-e-lili_IMG_7966_280516
            Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili_IMG_7966_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

Ensaio fotográfico pela conscientização e o respeito

O preconceito ainda existe, embora o panorama esteja melhorando nos últimos anos. Foi justamente para empoderar casais e pessoas que sofrem de nanismo, que Lilian e Vanderlei embarcaram em uma aventura linda: este ensaio fotográfico ultra romântico que você está conferindo.

A ideia das fotos para uma exposição fotográfica com o intuito de conscientizar a sociedade foi de uma amiga do casal que trabalha na Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Santa Catarina.  A fotógrafa responsável, Aline Peres Palaoro, contou que, ao conhecer melhor as noivas portadoras de nanismo, enxergou valores desconhecidos por ela e pela sociedade.

“Feito o ensaio eu descobri valores que me impactaram nelas. Para você ter noção, eu fiquei constrangida com a inteligência delas, estavam há anos-luz na minha frente... Quero retratar a vida deles sem a expressão de coitadinhos, ou vinculada ao humor. Diga-se de passagem, como dizem os manezinhos aqui, eles dão um banho!"

                      Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2734_280516
  Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2734_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

                    Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2737_280516
         Créditos: Ensaio-Vanderlei-e-lili__MG_2737_280516 Foto: Aline Palaoro Fotografia

O ensaio

As fotos do ensaio ilustram a simplicidade do sentimento sincero vivido por Lilian e Vanderlei. Para Lilian, a experiência foi transformadora.

“O ensaio ficou maravilhoso, foi muito gratificante participar dessas fotos. O nanismo é uma limitação, mas com adaptações conseguimos superar os desafios, sem dificuldades", relata a modelo.

Fonte: catracalivre.com.br

Nenhum comentário: