quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência reúne atividades em Santarém

Na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), a programação começa nesta segunda (21). Evento coloca a sociedade em reflexão no dever da igualdade para inclusão.

Por Adonias Silva, G1 Santarém

Coordenadora pedagógica da Apae em Santarém, Denise Sá (Foto: Geovane Brito/G1)
Coordenadora pedagógica da Apae em Santarém, Denise Sá (Foto: Geovane Brito/G1)

A Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, promovida pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), começa nesta segunda-feira (21) e segue até o dia 28 de agosto, com várias atividades em Santarém, oeste do Pará. Uma programação foi planejada com palestras, apresentações culturais, mesa-redonda, dias de lazer, atividades religiosas e de integração entre alunos e familiares.

A cada ano, a Federação Nacional das Apaes (Fenapaes), por meio da Semana da Pessoa com Deficiência, abre debates e coloca a sociedade em reflexão no dever da igualdade para inclusão. Será uma mobilização que envolve alunos e profissionais, a família e instituições parceiras. Além da conscientização, a intenção é mostrar as várias habilidades que os internos possuem, que, por muitas vezes, não são reconhecidas em razão da deficiência.

Com base no tema “Pessoa com deficiência: direitos, necessidades e realizações”, a proposta da Fenapaes é quebrar tabus e vencer as barreiras da desigualdade, lutando pelos direitos das pessoas com deficiência, que têm a necessidade de apoio em diversas áreas - social, familiar, escolar, trabalhista, etc. - para que a inclusão se torne efetiva e as pessoas com deficiência se tornem mais preparadas e amparadas diante das dificuldades da vida.

Para a coordenadora pedagógica da Apae, Denise Sá, a Semana da Pessoa com Deficiência também é um momento de envolver a comunidade. “Para nós que trabalhamos na Apae, nós nos sentimos pessoas também especiais, porque nós podemos proporcionar atendimento para essas pessoas que tem essa necessidade, para as famílias. Então, estamos promovendo essa semana, que é nacional, para apresentar a importância desse atendimento”, explicou.

Denise falou ainda sobre o mercado de trabalho, preconceito e rejeição, que em certos casos, ainda existe. “Nós temos uns, poucos ainda no mercado de trabalho, mas ele está lá, ou na escola, quando ele está tendo uma boa evolução, isso é muito gratificante. Tem família que logo no início sente um impacto por conta da deficiência do filho, é difícil ter aquela aceitação, por isso que damos todo aquele apoio e suporte necessário”, disse.

Evento nacional
Em todo o Brasil, no período de 21 a 28 de agosto, é comemorada a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, pelas Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAEs) do país. O objetivo é debater assuntos acerca de questões relacionadas a pessoas com deficiência intelectual e múltipla.

A Apae

A Apae em Santarém fez 40 anos este ano. A instituição atende atualmente 289 alunos. A principal missão é atender crianças, adolescentes e adultos com necessidades especiais, principalmente com síndrome de Down. Todo o atendimento é gratuito, por isso, a ajuda da sociedade é importante para manter a instituição com os serviços em dia. Ao longo desses 40 anos, a Apae celebra conquistas e desafios, sendo referência na região oeste do Pará.

A Apae em Santarém atende, atualmente, 289 alunos (Foto: Geovane Brito/G1)
A Apae em Santarém atende, atualmente, 289 alunos (Foto: Geovane Brito/G1)

Atividades da Apae

As atividades são prestadas a bebês, crianças, jovens e adultos. O atendimento é feito por meio de programas, divididos de acordo com a faixa etária, com base na Lei de Diretrizes de Bases da Educação Nacional. (LDB). Para ser atendido na Apae, é preciso passar por uma triagem e um processo de avalição por pedagogo, psicólogo e assistente social.

No decorrer do processo de triagem, se faz um estudo do caso e conforme o resultado, são encaminhados e inseridos em um dos programas. A Apae também encaminha famílias a buscar apoio e outros órgãos e instituições da cidade. O atendimento é feito duas vezes por semana, em horário diferenciado. Em 40 anos, a Apae já atendeu mais de 3 mil alunos.

Como ajudar

A Apae fica localizada na rua 24 de Outubro, nº 2668, no bairro Liberdade, esquina com a avenida Santarém/Cuiabá (BR-163). Os interessados em colaborar com a instituição podem entrar em contato por meio do telefone 93 3522 1677.

Programação

21/08 (segunda-feira)
18:00 - Cerimônia de abertura
Local: área coberta da Apae
22/08 (terça-feira)
09h30 - Visitação da imagem peregrina de N. Sra. da Conceição
23/08 (quarta-feira)

Manhã: Atendimento normal

Tarde: Estudo com colaboradores da instituição
Obs: Haverá atendimento apenas para o Programa Intervenção Precoce
24/08 (quinta-feira)
08h00 - Debate ao vivo no Programa Mesa Redonda, na Rádio 94 FM Tapajós
19h00 Apresentação da Dança dos Cadeirantes no Colégio D. Amando.
25/08 (sexta-feira)

Manhã e tarde: Atividade coletiva com usuários e famílias do Programa de Educação Infantil - Ação do Projeto Fundação Itaú.
28/08 (segunda-feira)
Manhã: Atividade de integração com uma escola da comunidade

Fonte: g1.globo.com

Nenhum comentário: