domingo, 23 de setembro de 2018

Festival Paralímpico reúne 500 crianças no Centro de Treinamento Paralímpico, em SP

Daniel Zappe/MPIX/CPB
Imagem

Por CPB

O clima foi de festa no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, na manhã deste sábado, 22 de setembro. O CT foi um dos 48 palcos do Festival Paralímpico, evento em celebração ao Dia do Atleta Paralímpico, comemorado nesta data. Mais de 500 crianças com e sem deficiência, com idade entre 10 e 17 anos, tiveram a oportunidade de experimentar três modalidades paralímpicas: atletismo, tênis de mesa e vôlei sentado.

“Achei muito interessante porque não é em qualquer lugar que tem essa inclusão. Eu nunca tinha feito vôlei sentado e achei muito divertido”, comentou Kézia Sena, 16 anos. A paulistana tem deficiência visual devido a glaucoma congênito e cursa o oitavo ano do ensino fundamental.

Um dos maiores medalhistas da história dos Jogos Pan-Americanos, o mesa-tenista Hugo Hoyama esteve no Festival prestigiando a interação com as crianças: “O que os atletas paralímpicos têm é o mesmo que os olímpicos: a vontade de ganhar e fazer o melhor pelo Brasil. Essa interação com as crianças foi muito legal. Eu me vi nelas. Comecei a praticar tênis de mesa com sete anos e nem sabia segurar uma raquete direito. Hoje ensinei a segurar raquete, acertar a bola. Espero que daqui saiam grandes campeões”, relatou.

A atleta paralímpica Raissa Machado, da classe F56, que faturou um bronze no lançamento de dardo nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto 2015 praticou sua modalidade com as crianças. “A experiência com esporte tem que começar na infância. Tem muita gente que não tem a estrutura e nem o conhecimento do esporte adaptado. Antes não tinha esse incentivo e hoje a gente tem, então eu fico feliz em participar e incentivar essas crianças”, comentou.

Outros atletas estiveram presentes no evento em São Paulo. Os velocistas Aline Rocha,,Yohansson do Nascimento, Verônica Hipólito, Carlos Pierre, Felipe Gomes e Vinicius Rodrigues, a Seleção Brasileira de Goalball e os Ricardinho e Jefinho da Seleção Brasileira de futebol de 5.

Além de São Paulo, que recebeu o Festival no CT Paralímpico, outras quatro cidades paulistas participaram do evento: São José do Rio Preto, Suzano, Campinas e Itu.

Fonte: cpb.org.br

Nenhum comentário: