domingo, 9 de dezembro de 2018

Mulher com deficiência física é medicada no chão do Hospital Geral de Palmas - Veja o vídeo

Acompanhante disse que não tinha maca na unidade e paciente ficou mais de duas horas no chão. Secretaria da Saúde disse que vai apurar o atendimento e a conduta dos profissionais.

Por G1 Tocantins

                   Paciente foi medicada no chão do HGP — Foto: Divulgação/Joelma Macedo
                Paciente foi medicada no chão do HGP — Foto: Divulgação/Joelma Macedo

Uma portadora de deficiência física precisou ser medicada no chão do Hospital Geral de Palmas (HGP). A irmã disse que Solange Macedo Machado deu entrada na unidade nesta sexta-feira (7) e ficou no chão por mais de duas horas, até uma maca ficar disponível. A paciente tem dificuldades para andar e não conseguia ficar em pé ou sentada.

Clique AQUI para ver o vídeo.

Um vídeo gravado pela corretora Joelma Macedo Machado, irmã e acompanhante da paciente, mostra a mulher deitada no corredor do hospital e coberta com um lençol. Ela colocou a cabeça sobre uma mochila, que servia de travesseiro. 

Joelma disse que a irmã anda com muitas dificuldades e não pode ficar em pé ou sentada por muito tempo. "Ela precisava tomar os medicamentos deitada. Eu trouxe o laudo que aponta as dificuldades dela, mas disseram que não tinham maca. Foi o jeito deitar no chão. Ela só conseguiu uma maca mais de duas horas depois, por volta das 21h de ontem".

A mulher foi diagnosticada com uma bactéria e continua no HGP. Apesar de já estar em uma maca, a irmã disse que na unidade não tem os materiais básicos para o tratamento da doença.

"Ela está com uma bactéria gravíssima. Pediram para eu trazer uma toalha, um travesseiro e uma garrava para manter água quente para os gargarejos que ela precisa fazer".

A Secretaria de Estado da Saúde informou que vai apurar o atendimento realizado para a paciente e a conduta dos profissionais envolvidos.

Resultado de imagem para Sem maca, mulher com deficiência é medicada no chão do Hospital Geral de Palmas
Sem maca, mulher com deficiência é medicada no chão do Hospital Geral de Palmas

Fonte: g1.globo.com





Nenhum comentário: