quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Sem relação com modernização do Camelódromo, Prefeitura entrega reforma na Praça da Bandeira

Cerimônia de reinauguração ocorre nesta quarta-feira (12), em Presidente Prudente. Local recebeu mudanças no paisagismo e instalação de dispositivos de acessibilidade.

Por G1 Presidente Prudente

Praça da Bandeira, em Presidente Prudente, será reinaugurada nesta quarta-feira (12) — Foto: Marcos Sanches/Secom
Praça da Bandeira, em Presidente Prudente, será reinaugurada nesta quarta-feira (12) — Foto: Marcos Sanches/Secom

A Prefeitura de Presidente Prudente entrega oficialmente nesta quarta-feira (12), às 19h30, as obras de revitalização da Praça da Bandeira, no Centro da cidade.

As obras no local contemplaram desde a mudança reforma dos bancos e dos brinquedos infantis, até a troca completa do sistema de iluminação, que agora conta com lâmpadas de led. Também houve mudança no paisagismo e a instalação de dispositivos de acessibilidade.

Segundo o Poder Executivo, os trabalhos visaram recuperar um dos mais antigos pontos de encontro da cidade, que por muitos anos esteve subutilizado.

De acordo com informações repassadas pelo Poder Executivo ao G1 no início dos trabalhos, em setembro, a reforma não tem relação com o projeto de modernização do Camelódromo.

Na época, a Prefeitura também esclareceu que os serviços não tinham relação com a decisão judicial transitada em julgado que condenou a Prefeitura de Presidente Prudente a regularizar o Camelódromo. “Não há relação. Essas obras não vão interferir na área ocupada pelo Camelódromo”, afirmou ao G1.

Ainda em setembro, questionada sobre o valor a ser investido nos trabalhos, a Prefeitura não apresentou quantia e informou ao G1 que as obras seriam executadas pela própria equipe da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, com maquinários e recursos da pasta.

Praça da Bandeira, em Presidente Prudente — Foto: Marcos Sanches/Secom
Praça da Bandeira, em Presidente Prudente — Foto: Marcos Sanches/Secom

Camelódromo

No dia 21 de novembro, a Prefeitura de Presidente Prudente assinou um contrato com a Caixa Econômica Federal (CEF) para executar o projeto de remodelação do Camelódromo, que fica localizado na Praça da Bandeira.

Os investimentos nas obras estão estimados em R$ 4,5 milhões, através do Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), da CEF.

O projeto prevê a redução dos atuais 284 para 240 boxes de comércio popular existentes no local, conforme o Poder Executivo informou ao G1.

“Se não tiver MEI, está fora. Se comprovar que tiver mais de um boxe, está fora também. Vamos cumprir rigorosamente o decreto. Na verdade, vou editar um novo decreto solidificando essas regras. A do MEI não está no decreto antigo. Nós vamos colocar no próximo", afirmou o prefeito de Presidente Prudente da cerimônia de assinatura do contrato.

Na ocasião, o prefeito também esclareceu como será feita a redução dos atuais 284 para 240 boxes de comércio popular existentes no local.

"Nós já fizemos um cadastro de todos que estão aqui. Há um número acima do que é permitido no decreto, que foi editado na época do professor Agripino [de Oliveira Lima Filho]. Nesse emaranhado de lojas que estão aqui, nós temos uma boa parte que é de alimentação. Nesse projeto que concebemos para implantar no Camelódromo, nós vamos tirar todas as construções que estão sob o viaduto, que não é praça, vai permanecer apenas o Exército e uma outra área que é da Prefeitura também. O resto nós vamos demolir. Todos os quiosques de alimentação serão deslocados para baixo do viaduto. Será uma praça de alimentação. Com isso ficarão na praça, propriamente dita, apenas o comércio que não envolve alimentação. Dessa forma, a gente consegue atender o decreto e conciliar quase todo mundo, salvo, evidentemente, aqueles que estão contrariando o próprio decreto”, explicou Bugalho em novembro.

A expectativa da Prefeitura é de que as obras sejam iniciadas em abril de 2019.

Projeto de remodelação do Camelódromo está orçado em R$ 4,5 milhões — Foto: Reprodução/Prefeitura
Projeto de remodelação do Camelódromo está orçado em R$ 4,5 milhões — Foto: Reprodução/Prefeitura

Fonte: g1.globo.com

Nenhum comentário: