quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Padrasto é preso após estupro de enteada menor de idade e deficiente visual na Baixada Fluminense

Vítima tem 13 anos e é deficiente visual. Crime foi denunciado pela companheira do autor do crime, que foi preso em casa por estupro de vulnerável.

Por Guilherme Santos, TV Globo

                Belmax Cipriano da Silva foi denunciado pela própria companheira e presa por estupro de vulnerável — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Belmax Cipriano da Silva foi denunciado pela própria companheira e presa por estupro de vulnerável — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem foi preso nesta quarta-feira (9) por policiais da 56ª DP (Comendador Soares) em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, suspeito de ter cometido estupro de vulnerável da própria enteada. A vítima tem 13 anos e é deficiente visual.

O crime foi denunciado pela companheira dele, que foi pedir ajuda na delegacia. Belmax Cipriano da Silva foi preso no bairro Jardim Palmares, dentro de sua casa.

Durante a abordagem policial, o autor reagiu e entrou em luta corporal com os policiais civis que conseguiram imobiliza-lo.

Fonte: g1.globo.com

Nenhum comentário: