quinta-feira, 18 de abril de 2019

CPB busca atualizar métodos de ensino no Seminário Internacional Paralímpico Escolar

Marcello Zambrana/MPIX/CPB
Imagem

Por CPB

Entre os dias 18 a 21 de julho, o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) promoverá, por meio da Academia Paralímpica, o Seminário Internacional Paralímpico Escolar 2019. O evento será realizado na Universidade Tiradentes (UNIT), na cidade de Aracaju, em Sergipe, e é direcionado a profissionais e alunos de Educação Física, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, terapeutas ocupacionais e profissionais em geral que atuam na iniciação da prática paradesportiva.

"Nesse evento queremos congregar todos os professores que ministram aula nessa área do mundo paralímpico e mostrar para eles, não só através da pesquisa, mas da prática e dos cursos, as novas tendências pedagógicas e metodológicas. Para que eles possam escutar as novas pesquisas e depois poder levar isso para o local onde trabalham e aprender a trabalhar essas crianças que basicamente são o futuro do Comitê Paralímpico amanhã", explica José Fernandes, coordenador da Academia Paralímpica.

Entre os minicursos disponíveis estão: Avaliação e Testes Neuromotores; Recreação Adaptada; Atividades para Deficientes Visuais; Atividades para Deficientes Intelectuais, entre outros. Mais de cem pessoas já estão inscritas no Seminário.

A primeira edição do Seminário Internacional Paralímpico Escolar foi realizado em julho de 2017, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. O evento contou com a participação de professores de 24 Estados e do exterior que discutiram diversos aspectos do desporto paralímpico em nível escolar.

Os trabalhos podem ser enviados até o dia 15 de maio. A divulgação dos projetos aceitos e as respectivas formas de apresentação ocorrerá no dia 31 de maio.



Nenhum comentário: