terça-feira, 9 de abril de 2019

STTP inicia cadastro de pessoas com deficiência para o transporte coletivo de Campina Grande

Cadastro é para acesso gratuito ao transporte público. Interessados devem ir à sede da STTP, das 8h às 17h, na segunda e terça-feira, e das 12h às 17h, de quarta a sexta.

Por G1 PB

Terminal de Integração em Campina Grande  — Foto: Felipe Valentim/TV Paraíba
Terminal de Integração em Campina Grande — Foto: Felipe Valentim/TV Paraíba

A Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) realiza, a partir desta segunda-feira (8), o cadastramento e o recadastramento das pessoas com deficiência para o acesso gratuito ao transporte coletivo de Campina Grande. O cadastro para este ano acontece até o final de julho, no setor de gratuidade da STTP, no bairro Catolé, das 8h às 17h, na segunda e terça-feira, e das 12h às 17h, de quarta a sexta-feira.

Documentação para PCDs já cadastradas

Para as pessoas com deficiência já cadastradas com Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde (CID) definitivo, é preciso apresentar cópia do comprovante de residência atualizado, no nome da pessoa que vai fazer a perícia médica; cópia de CPF de todos as pessoas que residem com o solicitante; e documento de comprovação de renda.

Já para os usuários cadastrados com necessidade de avaliação médica, é preciso a cópia do comprovante de residência atualizado, no nome da pessoa que vai fazer a perícia médica; cópia de CPF de todos as pessoas que residem com o solicitante; documento de comprovação de renda e laudo médico com identificação de CID atualizado.

Documentação para novos cadastros

Para os novos cadastrados, os interessados precisam apresentar cópia do RG; CPF; comprovante de residência (casa alugada deve portar cópia do contrato autenticada) no nome da pessoa que vai fazer a perícia médica; declaração de tipagem sanguínea; cópia de CPF de todos as pessoas que residem com o solicitante; documento de comprovação de renda; laudo médico de identificação do CID-10 atualizado e, caso seja deficiente auditivo, uma cópia da audiometria.

Calendário de avaliação médica

O calendário de avaliação médica será realizado sempre às quintas-feiras, sendo necessária a observação das datas do agendamento de acordo com a entrega de documentação. O recadastramento é necessário para a troca das carteiras de gratuidade que vencem em junho.

Nenhum comentário: